sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Livro - Circo dos Condenados - Vol. 03 - Anita Blake - Laurell K. Hamilton

Circo dos Condenados - Anita Blake - Laurell K. Hamilton 
Parei. O que eu deveria dizer? O que nos levava a entrar naquela profissão? Os motivos dele fossem tão bons quanto os meus, talvez até melhores. Não era só prazer de matar, como acontecia com Edward. Eu precisava demais de ajuda. Havia muitos vampiros para eu enfrentar sozinha. 

Olá Sonhadores, como vão vocês?

Eu estou estudando muito ultimamente, e não estou fazendo nada do que eu queria, mais tenho algumas coisas que eu não deixo de fazer é ler. Apesar de que seja com uma frequência menor.  

Hoje temos uma serie de livros que eu gosto muito, foi umas das serie que eu li quando comecei a minhas aventuras nos livros,  a primeira que eu foi Academia de Vampiros, Anita Blake, eu já li os dois primeiros livros a muito tempo, mais vou falar do terceiro livro em diante, que eu comprei recentemente e no mesmo dia que chegou eu já comecei a ler 

Circo dos Condenados é o terceiro volume da serie Anita Blake da autora americana Laurell H. Hamilton, lançado em 2011 pela Editora RoccoO livro é um Romance Paranormal e Fantasia Urbana, contém 320 paginas. A serie da Anita Blake já tem 25 livro lançados nos EUA e não previsão para parar, cuidado que pode haver spolier se você não leu o livro, confira a sinopse:  


No terceiro romance de Hamilton, protagonizado por Anita Blake, a caçadora de vampiros e ressuscitadora de mortos luta contra uma cobra gigante e um vampiro desonesto, Alejandro, que a quer como servo humano, enquanto ainda resiste aos avanços de Jean-Claude, o vampiro mestre de Saint Louis. Para piorar, seu envolvimento com o sobrenatural a leva ao Circo dos Condenados, onde conhece Richard, o lobisomem de seus sonhos. (Fonte: Skoob)

Como já disse lá antes, eu adoro a serie da Anita Blake, Anita é aquele personagens que você ama ou odeia não da para ter meio termo, bem, eu adoro, ela é engraçada, sarcástica e muito durona. Tipo de personagem feminina que me agrada, e que me fazer torce por ela. Como é uma serie imensa a construção de personagem é feita os poucos e o universo também 


No universo de Anita praticamente todos os tipos de criaturas paranormais existem e agora podem ter a convivência com os humanos. Nos dois livros anteriores Prazeres MalditosCadáver que Ritemos algumas informações sobre como os seres paranormais estão vivendo, com a lei que permite que eles conviver com os humanos somente no EUA, nos outros paises do mundo ainda é proibido, que ele podem até votar,  os vampiros tem uma igreja, e neste ultimo livro sabemos que tem faculdade de ciência sobrenatural que a Anita fez.  

Circo dos Condenados é todo uma frenesi do começo ao fim, não teve nem momento que a Anita teve tempo para respirar e relaxar, foi ação atrás de ação, e nesse livro a nossa querida ressuscitadora só se deu mal e não parecia a Anita que conhecemos.  Eu achei que esse livro foi uma ponte para o que a autora vai querer da serie no futuro, como ela escreveu esse livro em 1995, tem período muito grande no tempo do lançamento no Brasil e alem de ser uma serie grande, acho que vai acontecer em alguns livros futuros para engajar novos acontecimentos. 

Mais esse talvez seja um dos livros mais chatinhos de ler, apesar de eu estar empolgada lendo um livro  de Anita Blake, algumas coisas me incomodaram muito, a Anita nesse livro parecia estar não estar usando a cabeça, teve muitos acontecimentos que tava na cara que iria dar errado e ela simplesmente se deixava levar e ver o que acontecia, ela já teve atitudes mais prudentes nos outros livros, ela parecia uma suicida louca para morrer, mesmo algumas vezes dizendo que não queria morrer. 


Mas a coisa mais exagerada do livro foi me dizer que existia um vampiro com milhões de anos. Serio mesmo? Um vampiro desse nem era para morrer, mais a Anita mata de uma forma muito rápido e fácil de mais, eu achei que poderia ter sido um pouco mais complicado

Uma das coisas que eu adoro ler em Anita Blake é que como eu disse logo acima o livro se passa em 1995, então não tem celular, não tem internet, a coisa mais tecnológica que a Anita  tem é um pager. (hehe). Varias vezes no livro onde ela esta em algum lugar que ela não tinha acesso a um telefone fixo, ela tem achar os telefones públicos para fazer as ligações. Como a gente vivia antes, não ter um celular hoje é como você não estivesse no mundo. 

Mas tem muito elementos bons em Circo dos Condenados, claro o charmosíssimo Jean-Claude, agora o vampiro mestre da cidade, e quer fazer de tudo para que a Anita seja sua serva humana, temos o fofo do Lary, que agora vai ser o aprendiz da Anita, o querido professor lobisomem Richard, que a sinopse estraga em dizer que ele é um lobisomem, já que a Anita muito surpresa descobre nas últimas páginas do livro, não fiquei surpresa porque já sabia, mais se não soubesse acho que também ficaria. E novos seres paranormais para construção do universo. 


Estou muito ansiosa para ler os outros livros e um pouco triste já que a Editora Rocco lançou até o 5º livro. Eu gostei muito dessa capa, bem melhores do que a dos livros anteriores, apesar de ter um rosto, que eu não gosto muito em capas.  E vocês já leu a serie da Anita Blake? Me conta ;) 

Bjokas Sonhadores e até a próxima!

- Qual é o perigo que você corre fazendo isso? - Perguntou Dolph. O que eu deveria dizer? Muito grande? Ou seré que deveria contar que o Mestre tinha tesão por mim, de modo que eu devia me sair bem? Nenhuma das duas coisas.

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Compras - Creme para Pentear - Cabelos Cacheados - Garnier Fructis

Creme para Pentear - Cabelos Cacheados - Garnier Fructis 
Olá Sonhadores, como vão vocês?

Eu sei que ando muito sumida, e não estou conseguindo fazer as postagem no blog, mas espero que isso seja somente uma fase (hehe). 

Hoje vamos falar de cabelo, eu tenho cabelo cacheado e para que tem sabe que dá uma trabalheira, na verdade acho que qualquer tipo de cabelo da trabalho, e por isso sempre estou testando novos produtos para ver se ajudam a domar minha juba. 

Quando que estava entrando na adolescência e a minha vaidade estava se aflorando, eu usei muitos dos produtos da Garnier, naquela época, 2004 por ai, eu acho que a linha da Garnier Fructis estava entrando ou estava se reposicionando no mercado. 

Eu gostava muito dos shampoos e condicionadores, eu adorava aquele cheirinho cítrico. mais com o tempo claro, eu fui mudando muito de produtos. 

Com as novas formulas da Fructis eu resolvi experimentar o creme para pentear, pois eu estou usando muito produtos para hidratação e para moldar os meus cachos eu uso  os cremes para pentear. 


Eu gostei muitooo desse Creme para Pentear, os meus cachos ficam muito delineados e eles duram e não se arrepiam, claro se você não pegar um ventão na cara, e de um dia para o outro os cachos permanecem, é só da uma ajeitada e parece que novos, isso me ajuda muito quando eu vou me arrumar para trabalhar, eu não fico perdendo muito tempo. 

O Creme tem um cheirinho muito gostoso, eu adoro esse cheiro cítrico. Eu uso muito o creme, e ele dura um mês para mim, as vezes não dá, meu cabelo esta bem comprido, mais do meio das costas, como ele é cacheado ele encolhe um pouco, mas mesmo assim esta bem comprido, acho que nunca deixei ele tão grande. 


Eu comprei o Creme para Pentear num supermercado grande da região de Florianópolis, foi por volta de R$ 11,00 reais. 

E você já usou o Creme para Pentear da Garnier Fructis? Me conta!

Bjokas Sonhadores e até a Próxima!

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Na Cozinha - Livros de Receitas - 200 Receitas Perfeitas para fazer na Wok

200 Receitas Perfeitas para fazer na Wak
Olá Sonhadores, como vão vocês?

Eu já disse outras vezes que eu adoro a cozinha oriental, e já um uma postagem de outro livro de receitas Cozinha Chinesa, onde tinhas varias receitas fáceis e saudáveis. O livro de receitas desta vez também é da cozinha oriental, mais com um instrumentos especifico para fazer essas deliciosas receitas: a panela Wok.

Wok tradicional
A Panela Wok está presente na cozinha oriental é quase todas as receitas e um itens que não pode faltar. A wok tem vários modelos, tamanhos e materiais, a imagem acima é o modelo mais traducional, mas tem só com alças ou só com cabo, com tampa, mais oval, mais concava e assim vai, você vai encontrar a wok perfeita para você. Como ela é prátia para usar como uma frigideira ou pode usar como uma caçarola, da para fazer muitas recitas orientais ou na wok é só usar a imaginação. (haha)

200 Receitas Perfeitas para fazer na Wok,  contem receitas especificas para fazer na wok, eu estou em busca de uma alimentação mais saudável e alem de gostar muito da coxinha oriental estou aprendendo o que tem de bom para incluir na rotina. Eu comprei em promoção na Submarino, eu acho que foi uns R$ 20,00 reais, que é da coleção  Culinária de Todas as Cores da Editora PubliFolha. 


No sumario é separado por pelo tipo de comida, é fácil de achar, o difícil é escolher a receita que é uma mais gostoso que a outra (hehe). E na introdução tem tudo que você precisa saber para cozinhar comida oriental: os temperos, os legumes e as hortaliças, os acompanhamento, e muitos outras dicas e curiosidades. 


As receitas estão no lado esquerdo com os ingredientes e modo de preparo, é muito bem explicado você não fica com duvidas e a apresentação no prato no lado direito. 


Sonhadores espero que tenham gostado, assim que fizer uma receita dos livros, eu venho mostrar para vocês. 

Bjokas e até a próxima!

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Compras pela Internet - Arco Florido - Ali Express

Arco Florido - Ali Express
Olá Sonhadores, como vão vocês?

Já fazia tempo que não tinha mais nem uma comprinha da China, pois bem, esse ano como todo mundo deve ter feito, estou gastamos menos, e as bugigangas que adoro comprar na China estou deixando de lado. Que triste!

Arcos são uma das coisas que eu estou usando muito, eu não gosto que meu cabelo fique no meu rosto, me da uma agonia, e tenho que prende-los ou deixa-los com o arco, e eu já fui em muitas lojas atras de arcos bonitinhos e nunca acho e quando acho alguma coisas são muiiiiito caros, eu quase cai para traz quando a vendedora disse que uma arco bem simples e nem era tão bonito estava custando R$ 25,00 reais. E é claro que disse para vendedora que iria pensar e fui embora da logo correndo. Nesses momentos de desespero a unica solução é recorrer para a China (haha). 

Esse arco lindo florido, com os pontas do laço, você pode mole-las para se ajeitar da forma que você quiser, é muito legal isso, dá para deita-las e ficar acompanhando o arco ou pode deixa-las em pé. Eu gosto de deixar em pé, muitas pessoas disseram que eu estava parecendo uma coelha com as orelhas para cima, foi uma semana de rissos no meu trabalho. 


Eu adorei esse arco, eu já comprei os arcos no Ali, mais eles com os laços que eu posso mexer é muito divertido, alem de ser muito bonitinho e delicado, a estampas dele é muito bonita, também o tecido que é revestido e bem resistente, as costuras são bem feitas, você pega na mãe e não fica aquele medo de se desmanchar. 


Na ponta do arca tem esse detalhe em preto que faz com que o tecido não se solte e fique bem seguro. O Arco floral custou na época que eu comprei US$1,35 dólares, e chegou bem rápido, deu um mês e meio mais ou menos. Eu fiquei surpresa já que tem coisas que demoram mais de 3 meses.

Espero que tem gostado Sonhadores, Bjokas e até a próxima! 

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Livro - Príncipe Sombrio - Vol.01 - Os Cárpatos - Christine Feehan

Príncipe Sombrio - Vol. 01 - Os Cárpatos - Christine Feehan
"Ela podia ouvir as batidas se seu próprio coração. O que queria dele? Raven não sabia, só sabia que aquela tinha sido a noite mais perfeita e assustadora de sua vida e que queria vê-lo de novo." 

Olá Sonhadores, como vão vocês

O inverno esta acabando e os dias gelados já se foram, agora vamos entrar no tormento do calor. Estou sendo bem dramática, mais eu não quero que o inverno vá embora, mais fazer o que, vamos ao que importa, hoje temos livro.

Príncipe Sombrio é o primeiro livro da serie Os Cárpatos, (que até agora não teve fim, atualmente foi lançado o 30º livro e não tem previsão para parar) da autora americana Christine Feehan, foi lançado em 2011 pela Editora Universo dos Livros, o livro é um romance erótico paranormal, contem 464 paginas. Vamos a sinopse: 

Mikhail Dubrinksy é o Príncipe dos Cárpatos, o líder de uma sábia e secreta raça ancestral que vive na noite. Tomado pelo desespero, com medo de nunca encontrar a companheira que iria salvá-lo da escuridão, a alma de Dubrinksy gritava na solidão. Até o dia em que uma bela voz, cheia de luz e amor, chegou a ele, atenuando sua dor e seu anseio. Raven Whitney possui poderes telepáticos e os utiliza na captura dos mais depravados serial-killers. Desde o momento que se conheceram, Raven e Mikhail foram incapazes de resistir ao desejo que faiscava entre eles. Mas forças sombrias tentarão destruir esse frágil amor. E mesmo que sobrevivam, como poderão - cárpatos e humano construir um futuro juntos? (Fonte: Skoob)

Eu gosto muito desse gênero paranormal, vampiros, lobisomens, bruxas, fadas e muitos outros elementos. Mais em Príncipe Sombrio eu tive muitos problemas, mais muitos mesmo e nem por ser paranormal salvou o livro da minha frustração.  

Eu não tinha lido nenhuma resenha sobre o livros e nem visto muitos comentários sobre ele, até onde eu sei é que a Universo dos Livros iria fazer novas capas para serie, (a minha edição é da capa antiga), com isso eu só tinha a sinopse que me convenceu e quis ler o livro.  

Vamos começar com a principal, que eu não sabia se eu tinha desaprendido a ler ou era erro de diagramação e revisão do livro o livro é muito confuso de ler, tem diálogos que você não sabe quem que esta falando, não tem o mais básico do básico do português: é tão difícil colocar os travessões e os traços para separar os diálogos ou então "as aspas". (Eram colocados virgulas, para separar uma dialogo da narração, outras vezes usavam traços e as virgulas, dava uma mistura, muita bagunçada)   

- Ela foi a padaria - disse a mulher.  - E ela foi rápido – enfatizou a mulher franzindo a testa.   

Não é melhor para entender assim, o que é a fala, o que é o narrador na cena. (Eu prefiro os travessão e os travos dos que "as aspas"). Mas quem fez a revisão deve ter tido amnesia e piora quando eles estão falando telepaticamente, o dialogo é em itálico e nem travessão para indicar se é dialogo tem. Juntando todos esse problemas a escrita da autora é muito lenta, e chega a alguns momentos ser chata, de quantas vezes ela se repetiu no livro. 

A nossa pequena protagonista Raven Whitney, uma americana telepata que foi para as Montanhas dos Cárpatos (que fica nas entre a República Tcheca, Hungria, Polônia, Romênia, Sérvia e Eslováquia, eu não lembro exatamente se o livro diz em qual país a Raven vai) para se desintoxicar a mente, pois ela caçou um Serial Killers e sentiu muito todo o mal que ele tinha, isso a deixou doente. 


O par da nossa protagonista, Mikhail Dubrinksy, príncipe líder dos Cárpatos que estava na escuridão, sem sentimentos e a beira da sua própria destruição. Raven consegue sentir quão perto da morte Mikhail está e vai falar telepaticamente (todos Cárpatos falam telepaticamente) com ele e isso o salva, e na pequena conversa que eles tiveram o grande príncipe declarou que ela iria ser sua.  

Umas das coisas que eu não gosto muito que tem no tema paranormal é o de companheiros: que eles foram feitos um para os outros e não haverá vida um sem o outros, que não podem ficar longe, que é para sempre, e todo esse dramalhão. Eu acho interessante até certo ponto, mais tem alguns outares que extrapolam ou que não desenleve bem a ideia e fica parecendo muito forçado. Príncipe Sombrio foi todo forçado para mim.


O universo dos Cárpatos é muito interessante, apesar de disser que eles não são vampiros mas bebem sangue, não podem ir a luz do sol  e vivem muito. E que vampiros ou mortos vivos são Cárpatos que não encontraram sua companheira e sucumbiram a escuridão, e agora matam pelo simples prazer de matar. Não foi explicado a origem dos Cárpatos, esse sistema de que eles tem que encontrar companheiras par serem plenamente felizes e ter controle dos seus poderes foi o que deixou-os em extinção. Mas isso é só a minha ideia. 

Os Cárpatos são apresentados como seres muito poderosos, capazes de fazer qualquer coias, podem se transformar em animais, em nevoa, controlam os animais e o tempo. São conectados com a terra, onde eles dormem e retiram nutrientes para viver, mais se receber um tiro (tiro de bala normal pois no livro não explica nada se as balas são de prata ou madeira) já estão morrendo, eu não entendi como um ser tão poderoso poderia ficar tão fraco por causa de uma bala, mesmo com a perda de sangue não deveria ser tão vulnerareis assim. A luz do sol eu entendo, mais não o tiro. A descrição das cenas de lutas são muito confusa, eu me perdi varias vezes no que estava aconteceu, quem estava fazendo o que,  eles não usam armas, mais sim sua garras e a força corporal. 

"Raven beijou o pescoço dele, as mãos dela procuravam os botões da camisa de Mikhail. O corpo dela se contraiu, pulsando com o calor e a urgência. A boca de Raven percorria a pele dele. Ela inspirou o perfume dele, o mistério selvagem da noite. Por dentro, o desejo terrível aumentando e se espalhando com um incêndio ao céu aberto. A linguá dela sentiu o gosto da pele dele, delineando cada músculo e voltando para acariciar a pulsação que batia com tanta força no pescoço. 
- Eu amo você, Mikhail." 

Como também é um livro erótico, tem muitas cenas de sexo, que também são um pouco confusas, a autora não é tão direta como temos em Nua de Raine Miller, que é bem explicito, em Príncipe Sombrio, é muito contido, você sabe que estava acontecendo uma cena de sexo, mais alumas cenas não é tão empolgante. 

Eu não me cativei pela Raven ou Mikhail os dois não tem carisma, eu estava quase torcendo para os caçadores humanos, mais eles eram uns babacas também, então eu fiquei esperando o fim chegar. Raven em muitas cenas foi uma menina mimada e infantil, nem parecia que ela caçou assassinos com tanta burrice essa criatura vez.  Ela tentou resistiu a Mikhail mais como ele era bonito ela cedeu. E Mikhail com todo o seu poder praticamente arrastou Raven para sua casa e sua vida sem explicar muita coisas, e a atração de companheiros faz com que nenhum dos dois tenha escolha e se entregar ao instinto, ai eles ficam agindo como retardados. 


A Christine Feehan escreve com muitas descrição e repetição, eu não sei quantas vezes eu li que a Raven era pequena, inocente e sensual ou que Mikhail era intenso, sombrio e masculino, na mesma frase. Uma coisa é reforçar a ideia ou qualidade de um personagem, mais poxa ficar se repetindo o livro todo é um saco. É sempre três qualidades (sim, três qualidade em quase todas as paginas)quando ela esta descrevendo alguém ou alguma coisa que) vem seguida da descrição do narrador.

O livro me pareceu muito não ter muito sentido, quase as 300 paginas são a de Raven e Mikhail se conhecendo e ela descobrindo o mundo dos Cárpatos, com algumas ação isoladas, Mikhail sendo extremamente possessivo e machista e a justificativa era por causa que os Cárpatos são assim, que as mulheres tem que ser protegidas, minha vontade era de tacar o livro na parede e Raven sempre fazendo de independente nas horas erradas e deixando a situação mais complicada e depois ela ficava chorando pelos cantos. 

Mais salvo, alguns outros personagens que vão aparecendo no decorrer do livro que deixa a leitura um pouco mais interessante. O que vai me fazer que querer ler essa serie gigantesca, eu espero que nos próximos livros sejam mais interessante e com um pouco mais de direção no universo.

"[...] Ela nunca havia conhecido outro ser humano com quem pudesse sentar e conversar, nem mesmo alguém que pudesse tocar, sem o bombardeio de pensamentos emoções. Isso em si era uma tipo de sedução."

Bjokas Sonhadores e até a próxima!

 
Sonhos do Inverno Blogger Template by Ipietoon Blogger Template